Cinemateca Brasileira é finalista do Prêmio Governador do Estado de São Paulo 2018

A Cinemateca Brasileira está entre os cinco finalistas indicados para o Prêmio Governador do Estado de São Paulo 2018 na modalidade CINEMA.

Os vencedores na categoria Júri e Popular serão anunciados em cerimônia oficial, no Teatro Sérgio Cardoso, no dia 26 de março, às 20h. Criado como uma forma de valorizar e incentivar a produção cultural, a premiação conta com nove categorias: Arte para Crianças, Artes Visuais, Cinema, Circo, Dança, Música, Teatro, Territórios Culturais e Instituições Culturais, além do “Destaque Cultural do Ano”. 

O público pode votar nos grupos, artistas e instituições selecionados até 18 de março. A lista e os perfis dos candidatos podem ser conferidos no site www.premiogovernador.sp.gov.br

 

Veja lista dos indicados para todas as categorias:

Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Arte para Crianças”
- Boneco Gira Boneco 
- Frida e Eu 
- Lizette Negreiros
- As Meninas do Conto
- Trupe Banana's 


Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Artes Visuais”
- Alexandre da Cunha
- Leda Catunda 
- Mauro Neri 
- Tomoshige Kusuno
- Valdir Cruz

Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Cinema”
- Cinemateca Brasileira
- Cristina Amaral
- Festival de Cinema Latino-Americano 
- Laís Bodanzky 
- Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental 


Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Circo”
- Circo dos Sonhos
- Circo Escola de Diadema
- Circo no Beco
- Circo Stankowich
- Grupo La Mínima 

Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Dança”
- Companhia de Danças de Diadema - "EU por detrás de MIM"
- Cia. Discípulos do Ritmo
- “Fados e Outros Afins” - Mariana Muniz
- Jorge Garcia Companhia de Dança
- Key Zetta e Cia

Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Instituição Cultural”
- Doutores da Alegria 
- Instituto Alfa de Cultura - Teatro Alfa 
- Instituto Moreira Salles - IMS
- Matilha Cultural
- Teatro de Contêiner - Cia Mungunzá de Teatro

Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Música”
- Casa de Francisca
- Jonnata Doll & Os Garotos Solventes 
- Mano Brown
- Semana Internacional de Música de São Paulo
- Thereza Alves

Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Teatro”
- Aníbal Marques – Pelé
- Grupo Caixa Preta de Teatro
- Lenise Pinheiro
- Núcleo de Dramaturgia do SESI|SP
- Renato Borghi  

Indicados ao Prêmio Governador do Estado para “Territórios Culturais”
- Coletivo Cultural Cenário Urbano
- Hangar 110
- Museu da Pessoa
- Museu Espaço do Boneco 

Histórico do Prêmio

Criado na década de 1950, o Prêmio Governador do Estado para a Cultura foi um dos mais prestigiados e concorridos na época de seu lançamento, tanto pelo reconhecimento que oferecia aos artistas quanto pela quantia em dinheiro que destinava aos vencedores. 

Um dos primeiros vencedores foi o ator e diretor Sérgio Cardoso (1925-1972) – que dá nome a um dos teatros mais importantes da capital paulista –, ao lado de sua esposa, Nydia Licia (1926-2015). Nas décadas seguintes, o prêmio reconheceu grandes nomes do teatro brasileiro, tais como Fernanda Montenegro, Aracy Balabanian, Eliane Giardini, Juca de Oliveira e Stênio Garcia. Em meados dos anos 1980, a premiação foi interrompida. Retomada pela Secretaria da Cultura do Estado em 2010, passou a agregar novas categorias – cinema, música, dança, circo, entre outras.

Em 2017, a artista plástica Renina Katz foi homenageada como “Destaque Cultural”. Um dos ícones da gravura no Brasil, recebeu premiação no valor de R$ 100 mil em reconhecimento à sua trajetória e contribuição para a cultura brasileira ao longo de sua carreira.