Nova coleção de certificados de censura

Em 2016, foi finalizado o processamento técnico da Coleção de Certificados de Censura e Certificados de Produto Brasileiro - CPB. O conjunto reúne 5.379 documentos, sendo certificados de censura de filmes estrangeiros e nacionais, de cinejornais brasileiros, e de programas de televisão produzidos no Brasil, além dos certificados de produto brasileiro.

A coleção abrange o período de 1922 a 1992 e é composta por certificados de filmes distintos em sua origem, temática e gênero. Dos certificados de filmes brasileiros, destacam-se os referentes ao O pagador de promessa (1962), de Anselmo Duarte; Deus e o diabo na terra do sol (1964), de Glauber Rocha; e Eles não usam black-tie (1981), de Leon Hirszman. Entre os filmes estrangeiros estão presentes os certificados dos filmes Janela Indiscreta (1954), de Alfred Hitchcock; Noites de Cabíria (1957), de Federico Fellini; e Alphaville (1965), de Jean-Luc Godard.

Seja na configuração material ou nos parâmetros de classificação, os certificados fornecem informações que permitem compreender a institucionalização e o funcionamento do serviço de censura no país, sobretudo, no que diz respeito à prática de controle político sobre a produção e a exibição cinematográfica.